Close

Brinco de cruz traduz modernidade e enfatiza religiosidade pela fé

brinco-cruz-modernidade-religiosidade-fe

Os brincos de cruz são os modelos mais apreciados entre a maioria quando o assunto é utilizar uma peça com pingentes. Não é à toa que até os modelos masculinos ganharam suas versões com algum tipo de crucifixo pendente. Porém, você sabe qual é o significado do brinco de cruz e como utilizá-lo da maneira correta? Aprenda mais sobre o assunto a partir de agora.

Brinco de cruz é sinônimo de modernidade

O brinco de cruz é um dos acessórios mais modernos dos dias atuais. A peça surgiu com força há pouco tempo, sendo referência ainda durante os anos 1980. No entanto, seu estilo ficou tão difundido na sociedade que até hoje o tradicional brinco com pingente de cruz está entre os queridinhos de qualquer mulher vaidosa.

O melhor de tudo é que ele é uma peça que ainda consegue simbolizar e traduzir uma parte íntima do ser humano. Afinal, a cruz ostentada em joias sempre foi algo comum entre as pessoas mais religiosas, embora o item conquiste até mesmo aquelas que não tem tanta força em sua fé.

Muitas celebridades, como Emily Ratajwoski, Kylie Jenner, Amanda Steeler entre outras, já foram fotografadas com o brinco de cruz nas orelhas. Hoje, é comum observar até jogadores de futebol famosos com o pingente pendurado em uma argola. Isso evidencia que estamos lidando com um acessório bastante versátil para o visual.

Brinco de cruz como demonstração de fé

Ainda que existam religiões que não concordem com a utilização de acessórios, a maioria das cristãs se orgulha em poder simbolizar suas crenças e virtudes através de joias e roupas. Da mesma forma que alguns devotos escutam músicas e hinários para expressarem sua fé, existem pessoas que preferem usar brinco de cruz, por exemplo.

O significado religioso do acessório pode apresentar diferentes conceitos e até mesmo interpretações. Vale lembrar que entre as religiões cristãs, os católicos somam mais de 123 milhões enquanto os evangélicos são quase 43 milhões no Brasil. Em outras palavras, a sociedade brasileira vive o cristianismo desde sua fundação. Os dados foram apontados pelo IBGE.

Muitas pessoas apostam nas joias como símbolo de fé para homenagear seu deus e suas virtudes. Outras acreditam que símbolos como o da cruz trazem proteção e boas energias. Alguns apenas querem expressar a religiosidade dessa forma e se sentem mais confiantes e felizes dessa maneira.

Seja qual for seu objetivo, saiba que utilizar brinco de cruz é algo atemporal e livre de preconceitos. Além disso, existe uma verdadeira infinidade de modelos para escolher, como: cruz solitária; brinco de cruz com pedrarias; cruz com inscrições; grandes; pequenas; com ou sem correntes anexas; em ouro; prata; entre vários outros estilos.

Fato é que um belo brinco de cruz é uma peça que certamente deve compor o porta-joias de qualquer mulher ou homem. Esse item será passado de geração para geração e terá um significado especial se comparado com os demais acessórios que seguem sempre o mesmo padrão.

 Leia também: Dicas de moda para quem chegou aos 30

scroll to top