5 cuidados com a eletricidade em casa que você precisa saber

Existem muitos cuidados com a eletricidade em casa que você precisa saber, especialmente se for fazer alguns reparos leves em casa. Isso é importante, já que a eletricidade oferece riscos específicos muito sérios para quem for mexer com ela. Sem os cuidados básicos necessários, uma simples reforma em casa pode gerar consequências negativas tanto para o sistema residencial, quanto para a própria saúde da pessoa.

Por isso, é vital entender quais são os cuidados com a eletricidade em cada que você precisa saber. Para se ter uma ideia, choques são mais letais do que incêndios aqui no Brasil (foram 697 falecimentos de choques elétricos no Brasil em 2019). Infelizmente, a maior parte dos casos acontece em situações cotidianas e pequenos reparos da casa, todos facilmente evitáveis.

E aí, quer saber quais os cuidados com a eletricidade em casa que você precisa saber? Então siga a leitura do artigo abaixo!

5 cuidados com a eletricidade em casa que você precisa saber

1. Tenha os equipamentos certos em casa

Para poder fazer pequenos reparos em casa e lidar de maneira segura com a eletricidade local, é necessário ter alguns equipamentos específicos em seu lar. Com eles, você conseguirá lidar melhor com essas situações, sempre em segurança. Os itens a ter em casa incluem:

  • sapatos com sola de borracha;
  • luvas isolantes de borracha;
  • fita isolante.

Além disso, garanta que nada que você tem com você na hora de mexer com a fiação é de metal, já que o resultado pode ser muito grave.

2. Desligue a chave geral ao fazer pequenos reparos

Sabe quando a resistência do seu chuveiro queimou e você precisa trocá-la? Então, o melhor a fazer nessa hora é desligar a chave geral da casa para fazer a troca. Muitas pessoas desligam apenas a chave daquele cômodo em que vão mexer, o que também é seguro, mas não é o mais indicado.

Isso porque você pode não conhecer a fiação por completo e, por algum motivo, pode ser que uma determinada parte do cômodo esteja ligada em uma chave e a outra parte em outra. Por exemplo, muitas casas mais antigas podem ter fiações instaladas em projetos diferentes, o que faz com que elas tenham chaves diferentes. Por isso, uma chave pode desligar as lâmpadas, mas não as tomadas e por aí vai.

Portanto, desligue a chave geral sempre que for mexer com a energia elétrica da casa. Por mais que seja inconveniente, é mais seguro dessa forma.

3. Cuidado com as fichas para ligar várias tomadas

Você provavelmente conhece aquelas fichas usadas para ligar várias tomadas ao mesmo tempo em um único local. Elas são chamadas de extensão ou de benjamin em alguns lugares do país.

Seja como for, é importante ter muito cuidado com elas. Isso porque, apesar de serem muito úteis, elas também apresentam um risco para a sua casa. Um ponto vital a ter em mente é que cada tomada tem uma carga máxima que deve ser respeitada, normalmente de 1200 W. Por isso, não se deve usar muitos equipamentos em uma única tomada. Coisas relativamente simples, como TV (250W), videogame (400 W) e aparelho de TV a cabo (150W) podem estar em um conector. Já uma máquina de lavar, um micro-ondas ou uma geladeira consomem muita potência e devem ter uma tomada só para eles.

4. Tenha atenção aos fios desencapados em casa

Um dos maiores riscos de acidentes e choques elétricos em casa são os fios desencapados. É vital se proteger deles! Afinal, um contato minúsculo da pele com eles é o suficiente para levar uma grande voltagem no corpo, em alguns casos, potencialmente fatal.

Para consertar um fio desencapado, o melhor a fazer é usar uma luva isolante de borracha para tirar aquele aparelho da corrente elétrica. Se o fio for da própria fiação da casa, desligue a chave geral, como mencionamos antes.

Então, com bastante calma, pesquise se o ideal a fazer é trocar o fio ou dá para apenas usar uma fita isolante para protegê-lo totalmente e evitar alguma situação de risco.

5. Atenção aos sintomas da casa

Por fim, lembre-se de que o sistema elétrico da casa não dá problema “de repente”. Existem muitos sintomas que indicam que algo está errado, como a constante queda do disjuntor, constante perda de lâmpadas ou resistências queimadas e por aí vai. Se notar essa situação, o melhor a fazer é contratar um bom eletricista para um diagnóstico no seu imóvel.

Pronto! Esses são alguns dos principais cuidados com a eletricidade em casa que você precisa saber. Existem outros também, claro, como evitar que os fios elétricos fiquem perto da água ou do calor, além de tomar cuidado em caso de incêndio causado por curto-circuito (o ideal, nesse caso, é desligar a chave-geral e chamar os bombeiros. Caso necessário, use um extintor de classe C e apenas ele).

Se você considerou essas dicas úteis, compartilhe o artigo com seus familiares!