terça-feira, fevereiro 20

    Antes de tudo, para você que ama cachorro e mora em apartamento, saiba com esse artigo quais são os cachorros pequenos para apartamento.

    Hoje cada vez mais pessoas moram em apartamentos.  Pensando nisso, fizemos esse texto para ajudar os amantes de cachorros que sonham em ter seu bichinho de estimação, mas sem muitos espaço ou tempo para cuidar de raças grandes. Portanto, separamos algumas raças de cachorros pequenos e perfeitos cuidar em seu lar.

    Cachorros pequenos para apartamento: 20 opções de raça

    Raça 1 de cachorros pequenos para apartamento: Chihuahua

    Raça muito popular entre cachorros pequenos para apartamento, por serem os menores cães do mundo com uma altura de 23cm e pesando até 3kg.

    São cachorros extremamente alegres, que se apegam fácil aos donos e não necessitam de longas caminhadas.

    Chihuahua podem viver até 20 anos, porém precisam de bons cuidados e atenção. São sensíveis ao frio e possuem facilidade em desenvolver várias doenças. Além disso, são ciumentos e não sabem lidar com a solidão.

    Raça 2 de cachorros pequenos para apartamento: Lulu da Pomerânia

    Também chamados Spitz Alemão, são perfeitos cachorros pequenos para apartamento por serem os menores de sua raça, tendo uma altura máxima de 22cm e pesando entre 3 a 5kg.

    Criados entre Alemanha e Polônia. Desde já, são cachorros de comportamento muito dócil, de fácil socialização e bastante apegados aos seus donos. Porém, os Lulu da Pomerânia necessitam de bastante atenção e podem sofrer um pouco quando ficam sozinhos. Portanto, são mais recomendados para famílias que passam mais tempo em casa.

    Raça 3 de cachorros pequenos para apartamento: Poodle

    Essa raça existe em 3 tamanhos. Logo, as mais recomendadas para cachorros pequenos para apartamento. Os tamanhos: miniatura com 35 a 45 cm e Toy menor que 35 cm.

    Os Poodles são fofos, muito dóceis e cheios de energia. Além disso, se adaptam bem a companhia de crianças e bebês. Por isso, são chamados de um dos 5 cachorros mais inteligentes do mundo.

    Assim como os outros, é recomendado passeios regulados, exercício, estímulo mental e carinho de seus donos.

    Raça 4 de cachorros pequenos para apartamento: Shih tzu

    Em primeiro lugar, são conhecidos pelos seus longos pelos brilhosos e são excelentes para donos em pequenos apartamentos pelo seu tamanho de até 30cm e pela sua independência.

    Além disso, eles também são cães que não latem muito, são muito sociáveis e carinhoso com seus guardiões. Entretanto, necessitam ter cuidado especial com a pelagem.

    Por último, uma curiosidade sobre os Shih tzu: são uma raça originaria do Tibete, onde serviu como cão de guarda nos mosteiros budistas

    Raça 5 de cachorros pequenos para apartamento: Pug

    Cachorros conhecidos por serem uma das raças mais recomendadas para apartamentos, pelo seu tamanho chegando a 30cm e por não precisarem de muitas atividades físicas. Além disso são cães silenciosos.

    Pug são uma raça bem antiga, criada na china, que costumavam acompanhar os monges budistas. Também são extremamente fofos e brincalhões. Possuem um corpinho compacto e gordinho, mas que necessitam de bastante cuidados por conta de suas dificuldades respiratórias por causa do formato achatado do focinho.

    Raça 6 de cachorros pequenos para apartamento: Yorkshire Terrier

    Cães considerados uma das melhores raças para apartamentos por possuírem características perfeitas para viverem em espaços pequenos. Podem chegar em media a 20cm e viverem entre 12 a 13 anos.

    Também conhecidos por sua inteligência e por não precisarem de muitas atividades físicas. Após isso vale lembrar dos cuidados necessários, assim como os Shih tzu, os Yorkshire Terrier necessitam de bons cuidados com os pelos e com a socialização para não latirem muito.

    Raça 7 de cachorros pequenos para apartamento: Dachshund

    Também conhecidos como “salsicha”, devido à sua morfologia são recomendados para apartamentos sem escadas. São verdadeiros companheiros, com bastante energia e inteligência, mas também ciumentos e territoriais.

    Os Dachshund podem viver de 12 a 15 anos, podendo chegar a 25cm de altura. Bem como, necessitam de bastante atividades como caminhadas, estímulos mentais e muita companhia por estarem sujeito a ansiedade de separação.

    Raça 8 de cachorros pequenos para apartamento: Bichon Maltês

    Raça extremamente dócil e companheira. Sendo uma das mais amáveis raças de cachorros italianos, podendo se adaptar rápido a viver em apartamentos.

    Os Malteses podem viver até 14 anos, e medir até 25cm de altura. Seus cuidados necessários estão nos carinhos, necessitando de bastante atenção, e cuidados com os pelos.

    Raça 9 de cachorros pequenos para apartamento: Pinscher Miniatura 

    Cachorros corajosos e destemidos que nem parecem ter o tamanho que tem. São uma raça ativa, inteligente e desconfiada com estranhos, ou seja, estão sempre prontos para defender seu lar.

    Podem viver até 15 anos e ter um tamanho de 30cm. Suas recomendações são com o comportamento agressivo e por isso necessitam de cuidados de socialização desde pequenos.

    Raça 10 de cachorros pequenos para apartamento: Jack Russel

    Mesmo com seu pequeno tamanho são ativos e criados especialmente para serem cães de caça. Entretanto, por andarem longas distancias, ou seja, são ótimos para apartamentos, mas necessitam de muitas atividades, atenção e brincadeiras.

    Podem chegar a 15 anos de vida e 30 cm de altura. Um dos cuidados está em socializar ele desde seus primeiros meses.

    Raça 11 de cachorros pequenos para apartamento: Buldogue Inglês

    Uma raça calma e silenciosa e leal aos seus donos. São recomendados por não precisarem de muitas atividades físicas. Porém, possuem uma personalidade forte precisando de muita educação.

    Contudo, podem chegar a 50cm e 10 anos de vida. Os cuidados necessários são com suas rugas, para evitar a problemas de pele e infecções.

    Raça 12 de cachorros pequenos para apartamento: Bulldog francês

    Raça bastante popular, de temperamento gentil, com personalidade engraçada e paciente, criando muito fácil uma amizade com seus donos. Podem viver 12 anos e ter 35cm de altura. Um dos cuidados é com sua educação e por serem da raça de cães braquicéfalos necessitam de bastante cuidados médicos.

    Raça 13 de cachorros pequenos para apartamento: Boston terrier

    Criados nos Estados Unidos, mas com bastantes semelhanças com os Bulldog francês., São mais atléticos com uma personalidade carinhosa.

    São uma Raça muito fáceis de educar e socializar, mas precisando de bastantes caminhadas. Podem viver 15 anos e crescer até 45cm, sendo importantes como sempre muitos cuidados.

    Raça 14 de cachorros pequenos para apartamento: Shiba inu

    São recomendados para donos que precisam sair sempre, pela sua personalidade forte de independência e de proteção. De origem japonesa podem chegar a 45cm e viver 15 anos, precisando de boa educação desde pequenos e de cuidados.

    Raça 15 de cachorros pequenos para apartamento: Lhasa Apso

    São cães com pouca energia, tamanho pequeno e que não necessitam de passeios diários. Porém são bastante independia, ou seja, são adaptados a viverem sozinhos, mas ao mesmo tempo é importante dar carinho ao animal para serem saudáveis. Podem viver 14 anos e chegarem a 14cm de altura. Contudo, também precisam de boa educação e cuidados.

    Raça 16 de cachorros pequenos para apartamento: Shar pei

    À primeira vista, é um cão de personalidade independente e valente. Criam facilmente um vínculo com seus donos. Sua principal característica são suas rugas que recobrem seu corpo e principalmente seu rosto.

    Podem medir até 51cm e viver 11 anos. Logo, é importante devido sua valentia, educar para não se tornarem agressivos.

    Raça 17 de cachorros pequenos para apartamento: Chow chow

    Primeiramente, é uma das raças chinesas mais populares. Além disso são conhecidos pela sua língua roxa, e por serem cães calmos e silenciosos. Além disso são independentes e ao mesmo tempo bons protetores de seu lar.

    Podem medir 56cm e viver 13 anos. Assim, como todos necessitam de bastante educação e socialização para não se tornarem agressivos com desconhecidos.

    SaleBestseller No. 1
    Guabi Natural Ração Granplus Menu Cães Filhotes Carne E Arroz 15Kg
    • Refeição 100% completa e balanceada
    • Contribui para o crescimento saudável e desenvolvimento cerebral
    • Rico em ômega 3 (EPA e DHA)
    • Com fibras e prebiótico MOS
    • Sem corantes e aromas artificiais
    Bestseller No. 2
    Premier Pet Ração Premier Para Cães Filhotes De Raças Pequenas Ambientes Internos Sabor Frango E Salmão 1Kg Raça Filhotes
    • Ideal para os pets de pequeno porte
    • Proporciona ótimo desenvolvimento ao filhote
    • Oferece altos níveis de proteínas, vitaminas e minerais
    • Contém ômegas 3 e 6

    Raça 18 de cachorros pequenos para apartamento: Basenji

    Uma opção para apartamentos com paredes finas. São conhecidos por ser uma das raças mais antigas e por serem bastante silenciosos. Sua vocalização soa como uma mistura de uma risada com um canto. Medem 45cm e viver 13 anos. Necessitam de bastante educação e atividades físicas.

    Raça 19 de cachorros pequenos para apartamento: Bichon Frise

    Cachorro com bastante facilidade de se adaptar a ambientes pequenos. Além disso, são bastantes sociáveis, brincalhões e silenciosos.

    Só latindo ao perceber algo estranho em seu lar. Eventualmente, são cães fáceis de se educar e socializar. Podem medir até 30 cm e viver 13 anos.

    Raça 20 de cachorros pequenos para apartamento: Cavalier King Charles Spaniel

    Em primeiro lugar, são cães extremamente carinhosos. Adoram abraçar e deitar na barriga pedindo por mais amor de seus donos, ou seja, se apegam fácil e amam ambientes pequenos.

    Podem medir 30cm e chegar a 15 anos. Contudo, a maior preocupação a se ter é com o adestramento, pois eles podem ser difíceis de treinar. 

     

    Compartilhe.
    Avatar de Nathan López Bezerra

    Formado em Publicidade e Propaganda pela UFG, Nathan começou sua carreira como design freelancer e depois entrou em uma agência em Goiânia. Foi designer gráfico e um dos pensadores no uso de drones em filmagens no estado de Goiás. Hoje em dia, se dedica a dar consultorias para empresas que querem fortalecer seu marketing.