Decoração de apartamento: como economizar?

Você sabe como pode economizar na decoração de apartamento? Mesmo se tratando de um apartamento na planta todo planejamento antecipado já é uma forma de economia. 

Algumas pessoas pensam que decorar tem tudo a ver com despesas. Que a decoração pode ser uma verdadeira bagunça e que por isso é preferível que a casa permaneça como está antes de se pensar numa mudança de imagem dentro de uma casa ou apartamento. 

Mas a realidade é que a decoração de apartamento não é incompatível com poupar dinheiro e, além disso, a sua casa deve fazer com você se sinta bem a todo o momento e se a decoração atual não o convence, então vale a pena mudar.

Em tempos difíceis, com orçamentos um pouco mais apertados, é preciso saber decorar para economizar ao mesmo tempo. Portanto, aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a economizar dinheiro e ainda ser capaz de decorar sua casa do jeito que você quiser.

Vamos as dicas para decoração de um apartamento?

Classifique o que gosta e necessita, e o que você precisa, e ainda o que pode fazer para liberar espaço. 

Além disso, se você tiver itens em boas condições de que não precisa mais, poderá vendê-los para ganhar algum dinheiro extra. Você pode ter itens em sua casa que não deseja mais usar e outras pessoas estão pagando para obtê-los. 

Além disso, se possível, pode combinar itens em sua própria casa. Assim, seus quartos parecerão totalmente renovados com seus próprios móveis e elementos. Os quartos serão renovados e você não terá gasto nenhum dinheiro, apenas um pouco de energia.

A escolha das cores também é importante

O ideal é escolher uma cor neutra como o branco ou bege e, a partir daí, buscar elementos decorativos que se prestem a ela. A vantagem é que todas as cores correspondem aos neutros e se o branco ou bege for a cor dominante na sala, você sentirá que está em um lugar muito maior e mais claro. Além disso, uma decoração neutra não é apenas elegante, mas também prática. 

Tendo comprado um apartamento novo, você deve estudar imediatamente o que precisa ser substituído e o que vai durar por muito tempo. 

Se o acabamento for “bom”, haverá menos trabalho: às vezes é suficiente apenas fazer reparos domésticos ou substituir acessórios de encanamento.

Antes de consertar, você deve considerar que a decoração de apartamento pode ser realizada pelo próprio proprietário. Para isso tenha em mente, o que você pode realizar sozinho, e o que precisará de ajuda. 

Com a habilidade adequada, você pode lidar com paredes de massa, assentamento de pisos, papel de parede e pintura. Alguns proprietários de apartamentos conseguem colocar ladrilhos e instalar novas portas, mas, neste caso, é necessário gastar dinheiro com ferramentas. 

Mas, ao fazer a fiação e substituir o encanamento, deve-se contratar profissionais, já que erros nessa área podem custar caro para todos, inclusive para os vizinhos.

Verificando preços

Para a decoração de apartamento é indispensável consultar preços. Antes de iniciar o trabalho, calcule a quantidade de materiais necessários. 

Depois, analise os seus custos, estudando os catálogos das lojas de ferragens, lendo críticas e conselhos em sites temáticos. Decididos os produtos pretendidos, escolha os mais baratos, prestando atenção às promoções. 

Essa análise levará menos tempo do que várias viagens de compras. Outra opção de economia são os mercados e feiras de construção. Se você fizer compras em um só lugar, poderá economizar no frete e também obter um desconto. 

Foco em móveis multifuncionais

O mobiliário é o epicentro da decoração de apartamento e estruturação. Mas, em vez de cumprir apenas uma função, por que não poderia cumprir várias? Isso vai economizar espaço e, muitas vezes, dinheiro. 

O mobiliário contemporâneo é multifuncional. E entre este tipo de mobiliário podemos citar o sofá-cama, um clássico ou a mesa de centro transformável que pode subir para fazer uma mesa de jantar.

Decore cômodo por cômodo

Vá em frente pedaço por pedaço, usando toda a sua criatividade, e assim você pode lidar com o resto com energia renovada, sem deixar nada pela metade. Comece com o básico primeiro e continue com os itens decorativos para preencher o espaço.

Faça uma lista do que realmente importa

Quando imaginamos nossa casa, esse espaço de liberdade que não temos mais para dividir com nossos pais ou colegas de quarto, tendemos a nos deixar levar, às vezes até demais. É quando precisamos pisar no freio e refletir sobre nossa criatividade.

Faça uma lista com o essencial e deixe alguns desejos de lado para conseguir uma decoração que atenda às suas expectativas e respeite seu orçamento. 

Para isso, essa lista deve conter objetos da vida cotidiana e outros mais triviais que podem esperar. Alguns são necessários para viver e alguns são apenas extras.

Gostou das dicas? Sabe de algumas outras? Não deixe de comentar através dos comentários abaixo!

Confira: Como é a burocracia para financiar uma casa?

Comentários estão fechados.